1. Psicologia é, sobretudo, o estudo da mente e do comportamento.

A psicologia estuda, sob diferentes perspectivas, como as pessoas (e também os animais) pensam, sentem e se comportam sozinhas e nas relações com os demais membros da sociedade. Algumas das questões estudadas por psicólogos são: como as crianças aprendem; porque as pessoas se lembram mais de fatos que foram acompanhados por fortes emoções; como as pessoas fazem escolhas, etc.

 

2. Psicologia é uma ciência e utiliza métodos científicos.

A Psicologia é uma ciência e, portanto, constrói seu conhecimento com base no método científico. Os psicólogos utilizam diferentes técnicas para conduzir seus estudos sobre a mente e o comportamento, tais como observação naturalística, experimentos, estudos de caso e questionários.

 

3. Os psicólogos têm muitas abordagens diferentes.

Não existe só um caminho possível em Psicologia, todos os fenômenos podem ser vistos de diferentes perspectivas. Muitas vezes nos referimos as “Psicologias” e não a uma única Psicologia, pois existem diferentes abordagens, enfoques, perspectivas dentro da ciência Psicológica. Alguns exemplos são: Psicologia Cognitiva, Psicologia Sócio-histórica (histórico-cultural), Psicologia Comportamental (behaviorista), Psicologia Psicodinâmica (psicanálise), Psicologia Fenomenológica, Gestalt etc.

 

4. Psicologia não é apenas Psicoterapia.

Quando se ouve falar em Psicologia muitas vezes a primeira coisa que pensamos é na abordagem Clínica e mais especificamente na Clínica Psicanalítica, com a figura clássica do terapeuta e um divã. No entanto, essa é apenas uma das inúmeras possibilidades de atuação dos psicólogos. Existem psicólogos que trabalham com a educação, psicólogos que trabalham em comunidades, psicólogos que trabalham em empresas, psicólogos jurídicos, psicólogos do esporte, psicólogos que trabalham em laboratórios. Além disso, a própria psicoterapia, não se restringe a abordagem psicodinâmica (psicanalítica), existem outras abordagens como a cognitivo-comportamental, a gestalt-terapia e muitas outras.

 

5. A psicologia estuda tanto o comportamento típico quanto o atípico.

É muito comum pensar que a Psicologia estuda apenas o comportamento atípico, o comportamento inadequado, a “loucura”. No entanto, a psicologia estuda todo e qualquer comportamento. Uma das mais importantes áreas da Psicologia, por exemplo, é a Psicologia do Desenvolvimento Humano e esta se ocupa do estudo do desenvolvimento geral do seres humanos, tanto o normal quanto o patológico.

 

Texto de Renan de Almeida Sargiani publicado em Psicologia Explica